Eneida Souza, Terapeuta

Consultora E Educadora em
aleitamento materno

Sou Eneida Souza Enfermeira pediatra, Instrutora e Educadora em Aleitamento Materno pela UCLA-CA, Terapeuta Sistêmica de Família e Casal, Individual, psicodramatista com MBA de Gestão em Saúde, Ufá quanto coisa! Mas a minha melhor profissão e papel é o “Ser mãe”. Ser mãe de 3 adultos maravilhosos as gêmeas Julia, Beatriz e Daniel.

Sou apaixonada por um verdadeiro leque de temas que vão desde casal, gestação, amamentação, as diferentes fases do desenvolvimento global da criança e a família. Temas que me levaram a fazer vários cursos, participar de vários congressos, dentro e fora do Brasil. Assim como ser palestrante sobre os temas levando conteúdo científico, experiência profissional, experiência pessoal e acima de tudo paixão por esse universo.

Certificação

Licenças e Certificações

  • Consultora & Educadora

  • Terapeuta Sistêmica de Família e Casal, Individual.

  • Psicodramatista com MBA de Gestão em Saúde

Formação

  • Enfermeira, Pediatra, Instrutora e Educadora Em Aleitamento Materno pela UCLA – CA.

  • Psicodramatista com MBA de Gestão em Saúde.

Experiência

    • Sou apaixonada por um verdadeiro leque de temas que vão desde casal, gestação, amamentação, as diferentes fases do desenvolvimento global da criança e a família. Temas que me levaram a fazer vários cursos, participar de vários congressos, dentro e fora do Brasil.
    • Palestrante sobre os temas trazendo conteúdo científico, experiência profissional, experiência pessoal e acima de tudo paixão por esse universo.
    • Gravação para Tv Band no programa “Superpoderosa “
    • Entrevista para o Diário Do Grande ABC
    • Entrevista para TV Alesp
    • Entrevista para TV Câmera
    • Conversa de mãe – Alô Bebê

Porque Mamyaqui

A sementinha foi plantada durante a formação em enfermagem, a paixão por criança que juntas levaram a especialização em pediatria. Anos de trabalho com famílias, bebê, criança eu sentia que faltava algo, algo que não se aprende na faculdade. “Ser mãe”, não foi nada fácil, depois de anos de vida em casal decidimos por ter filho, mas não foi tão simples assim.

Passado-se um tempo tentando engravidar, optamos por tratamento e iniciamos uma verdadeira maratona. Digo, um dos maiores desafios de qualquer tratamento de fertilização, é sobreviver em quanto casal.

Nada fácil, estressante, desgastante e as vezes que não dava certo o tratamento, uma enorme frustração. Coloquei um prazo pessoal, se não desse certo partiria para adoção, que alias fazia parte de um grande sonho..

Foi e é sempre uma delícia desempenhar esse papel que é para a vida toda. Claro, com altos e baixos, muitos acertos mas erros também, afinal com todo o meu conhecimento, ser mãe foi e é um eterno aprendizado.

Outro desafio surgiu, apaixonada pelo tema Aleitamento Materno fui buscar um curso de Especialização fora do Brasil, foram meses de muito estudo, trabalhos, relatórios de atendimentos e trabalho de encerramento de curso que foram enviados para a UCLA-CA, o resultado, a certificação
que tanto desejava.

O trabalho com amamentação passou a ser preventivo, orientar casal e familiares antes da chegada do bebê. Passei a desenvolver junto com empresas parceiras, curso de capacitação para odontopediatras, enfermeiras e outros profissionais da saúde. Desenvolver manuais, conteúdos para profissionais e público leigo, palestras, workshop, trabalhos internacionais.  Mas algo ainda chamava a minha atenção, ao entrar na casa de uma família para auxilia-los na amamentação, passei a observar que corrigir pega, posicionamento, avaliar mãe e bebê era rápido mas a amamentação não é somente isso, técnica, a amamentação vai muito mais além…

Foi quando decidi fazer a Pós em Terapia Sistêmica de Família Casal e Psicodrama para ampliar o meu atendimento e tornar lo sistêmico. Após 3 longos anos de formação e muito estudo a sementinha tinha germinado, crescido e estava pronta para dar frutos, assim nasceu a MamyAqui.

O propósito? Levar informações não baseadas somente na Separar – minha experiência como mãe mas levar conteúdo Sistêmico de anos de estudo para gestantes, mãe, pai e família com dificuldade em estabelecer amamentação e famílias com filhos pequenos para que descubram os recursos internos para desempenhar os mais novos papeis, o de mãe e pai.

Se dar a oportunidade de entender a linguagem dos bebês da criança, não existe fórmula, o que funciona para um nem sempre funciona para o outro.